sexta-feira, 9 de abril de 2010

SOBRE PESQUISAS ELEITORAIS


É a tal coisa: o sujeito não acredita em pesquisa eleitoral mas não deixa de dar uma olhada na dança dos percentuais. 

No momento, Datafolha e Vox Populi se digladiam na corrida presidencial: a primeira divulgou números destoantes da tendência até então observada, falha detectada pelo Vox em pesquisa posterior. Ambos os institutos, claro, sustentam a pertinência de seus números.

Tudo isso acontece no universo da pesquisa estimulada, em que o pesquisado é confrontado com uma lista contendo nomes de (pré) candidatos.

Mas há quem só ligue mesmo para os números obtidos a partir da pergunta: 'se a eleição fosse hoje, em quem você votaria?'. É a pesquisa espontânea, estranhamente desprezada pela grande mídia.

Vale registrar as espontâneas mais recentes: IBOPE: Dilma 14% X 10% Serra;  Datafolha: Dilma 12% X 8% Serra;  Vox Populi: Dilma 16% X 12% Serra.

As espontâneas parecem pertinentes...

2 comentários:

João de Deus Netto disse...

Enquanto eu fazia a "fotocharge", pensava no texto que desse reverberação à mensagem;: mestre Dodó estava cuidando disso, por osmose! Está lá no JenipapoNews.

Dodó Macedo disse...

Vi lá, amigo. Baita fotocharge.